PALAVRA DO ECONOMISTA

Agenda Econômica – 15/04 à 19/04

Principais Eventos e Indicadores

Veja aqui os eventos da próxima semana

Destaque da semana

Nesta semana os destaques da agenda econômica foram as divulgações dos dados de atividade como a Pesquisa Mensal do Comércio e a Pesquisa Mensal de Serviços e os dados de inflação com o IPCA de março.

Sobre o comércio varejista, o volume de vendas apresentou estabilidade em fevereiro (0,0%), ante janeiro, na série ajustada sazonalmente. Tal desempenho ficou bem abaixo da nossa expectativa de 0,6% e acima do mercado que esperava queda de -0,4% na mediana das projeções da Bloomberg. Na comparação com o mesmo período do ano anterior, sem ajuste sazonal, o crescimento foi de 3,9%.

O varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, por outro lado, caiu na margem e apresentou retração de 0,8% quase que apagando integralmente o desempenho positivo de janeiro (1,0%). Nossa projeção era de avanço de 0,3% e o mercado esperava queda de -0,3%. Na comparação contra o mesmo período do ano anterior o avanço foi de 7,6%.

É importante destacar que assim como os dados da Pesquisa Industrial Mensal (PIM), a PMC também sofreu com o efeito calendário da alteração do carnaval para março. Fevereiro de 2019 teve 20 dias úteis, dois a mais do que fevereiro de 2018 (18 dias). Desta forma se o efeito fosse neutralizado com ajuste sazonal, o comércio varejista teria crescido apenas 1,6% em fevereiro frente ao mesmo mês do ano anterior, bem como o varejo ampliado, que teria avançado 2,1% na mesma comparação.

A Pesquisa Mensal de Serviços, por sua vez, apresentou queda de 0,4% em fevereiro contra janeiro na série com ajuste sazonal. Na comparação com mesmo período do ano anterior, o setor avançou 3,9% acelerando ante os 2,0% da leitura anterior. Em 12 meses, a variação registrada pelo volume de serviços prestados avançou para 0,7%, o maior valor desde mar/15 (1,0%).

Por fim, o IPCA de março apresentou taxa de inflação de 0,75% muito acima do espero por nós de 0,58% e da maior estimativa do mercado segundo a Bloomberg que foi de 0,70%. Com este valor o índice acumula em 12 meses alta de 4,57%. No entanto, a despeito do headline ruim, os choques ficaram concentrados em alimentação no domicílio (0,33 p.p) e Transportes (0,26 p.p) conforme esperado por nós na última publicação, mas com uma intensidade maior. Porém os núcleos se mantiveram em patamares bastante confortáveis com baixíssimo repasse dos choques correntes na margem. A média dos núcleos saiu de 2,97% em fevereiro para 3,05% em março.

Com isso acreditamos que as pressões altistas que impactaram a leitura do indicador têm características de choques de oferta e tendem a se reverter ou não se perpetuar. Com isso não há grandes alterações para o cenário inflacionário corrente e prospectivo durante o ano. Para o fechado do ano de 2019 mantemos nossa expectativa de 3,9% de taxa de inflação (IPCA).

Próxima Semana

Para a próxima semana, a agenda é limitada e os destaques ficam para a publicação do IGP-10 de abril e o IBC-BR de fevereiro.

Para o IGP-10 nossa expectativa é de taxa de inflação de 0,82% ante 1,40% do mês anterior. Já para o IBC-BR, a expectativa é de queda da atividade econômica de -0,83% na comparação contra janeiro, na série com ajuste sazonal. E na comparação contra o mesmo período do ano anterior, esperamos crescimento de 2,28%.

 

Rafael G. Cardoso, economista-chefe
rafael.cardoso@bancodaycoval.com.br

Antônio Castro
antonio.castro@bancodaycoval.com.br

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound