PALAVRA DO ECONOMISTA

Agenda Econômica – 17/02 a 21/02

Veja aqui os eventos da próxima semana

Destaque da semana

Nesta semana, os destaques da agenda econômica foram os dados de atividade econômica tanto na economia doméstica quanto no exterior, no entanto, além dos dados econômicos, outro ponto que chamou atenção nesta semana foi o aparente arrefecimento no número de novos casos de infectados pelo coronavírus na China.

Na Europa, os dados da produção industrial de dezembro e o produto interno bruto (PIB) do quarto trimestre da região vieram, ambos, abaixo do esperado. A produção industrial cedeu 2,1% ante o mês de novembro na série ajustada sazonalmente. A expectativa era de queda pouco menor de 2,0%. O PIB da região avançou 0,1% na comparação contra o terceiro trimestre. Na comparação contra o mesmo período do ano anterior, o avanço foi de 0,9%. Abaixo do esperado de 1,0%.

Nos Estados Unidos, por outro lado, os dados das vendas no varejo apresentaram expansão de 0,3% em janeiro contra dezembro na série ajustada sazonalmente. Na comparação interanual o avanço foi de 4,4%.

Na China, o surto de coronavírus, cuja contagem de infectados no fim desta semana registra aproximadamente 64 mil casos confirmados e mais de 1300 mortos, finalmente, passou a mostrar indícios de arrefecimento, pois o número de novos casos registrados vem caindo de forma consistente durante toda a semana. No entanto, os impactos econômicos derivados do surto ainda não estão claros. Os dados de fevereiro, principalmente os PMIs industriais preliminares que serão divulgados na próxima semana, poderão dar alguma dimensão dos impactos.

No cenário doméstico, as vendas no varejo e o índice de atividade econômica do Banco Central (IBC-BR), ambos referentes ao mês de dezembro, apresentaram desempenho abaixo do esperado, chancelando o fim do otimismo exacerbado do mercado com a atividade econômica que teve início no segundo semestre de 2019.

As vendas no varejo registraram queda de 0,1% na comparação contra novembro, ajustada sazonalmente. No conceito ampliado, que inclui as vendas de veículos e material de construção, a queda foi de 0,8%. Na abertura do indicador, o desempenho negativo foi generalizado.

No acumulado do ano de 2019, o varejo restrito avançou 1,8% e o ampliado 3,9%, ambos abaixo do desempenho visto em 2018, onde as categorias cresceram 2,3% e 5,0% respectivamente (para saber mais veja aqui nosso comentário completo).

O IBC-BR, por sua vez, registrou queda de 0,27% na comparação contra o mês imediatamente anterior, ajustado sazonalmente e na comparação contra o mesmo período do ano anterior, o avanço foi de 1,28%. O índice vem desacelerando seu crescimento deste outubro de 2019. Na comparação trimestre contra trimestre não coincidente, a variação em dezembro caiu para +0,46% ante +0,75% em novembro.

Próxima semana

Para a próxima semana, os destaques domésticos serão os dados de inflação com o IPCA-15 de fevereiro e o Caged de janeiro.

No exterior, foco na a Ata do FOMC (Comitê Federal de Operações de Mercado Aberto, na sigla em inglês) que trará mais detalhes da última decisão de política monetária do Fed (Banco Central Americano). Haverá também a divulgação das prévias dos PMI’s tanto da economia americana quanto da Zona do Euro.

Para o IPCA-15 de fevereiro, esperamos taxa de inflação de 0,15%, apoiado em indicadores coincidentes que mostram arrefecimento dos preços em Alimentação, principalmente pela devolução do choque de proteínas, além de Habitação e Transportes também com comportamento mais benigno. Do lado positivo, no entanto, pressão no grupo Educação devido a sazonalidade do reajuste de diversos tipos de cursos.

Rafael G. Cardoso, economista-chefe

rafael.cardoso@bancodaycoval.com.br

Antônio Castro, analista econômico

antonio.castro@bancodaycoval.com.br

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound