INVESTIMENTOS

Como o coronavírus e a alta do dólar impactam os seus investimentos

Finalmente terminou a semana mais conturbada do mercado financeiro desde a grande crise, entre 2008 e 2009. E acabou também fevereiro, um mês especialmente atípico e muito tenso para os investidores, pois, além de ter que lidar com o receio do coronavírus, perderam ou deixaram de ganhar dinheiro por causa dele.

O dólar vem batendo recordes e já acumula alta de 6,9% em um mês. No fim de fevereiro, chegou a bater R$ 4,5128 durante o pregão, mas diminuiu os ganhos diante da intervenção do Banco Central.

O BC vendeu contratos que jogam dólares no mercado e ajudou a moeda americana a desvalorizar 0,10% em relação ao real, valendo R$4,4809, maior patamar histórico em termos nominais (sem descontar a inflação). Sem essa intervenção, o dólar provavelmente teria ficado ainda mais alto.

Mas com tanta volatilidade e incertezas pairando sobre o mercado mundial, qual é o real impacto da alta do dólar nos investimentos? Confira as explicações do gestor da Daycoval Investimentos, Marcos Lyra.

Como proteger seus investimentos com a alta do dólar?

A moeda americana está mais presente no dia a dia do brasileiro e não apenas por causa do turismo. O dólar influencia os preços dos combustíveis, de alimentos e de peças importadas, maquinários produtivos da indústria, fertilizantes e agrotóxicos para a agricultura e por aí vai. Isso sem falar nos serviços que estão cada vez mais globalizados, como softwares de armazenamento de dados para a indústria e para o mercado financeiro, além dos streamings de música e vídeo.

“Esse é um momento de cautela. É importante olhar com atenção para o portfólio. Mais do que nunca, o investidor precisa ter objetivos e colocar prazos nas suas alocações para não perder dinheiro”, alerta Lyra.

Quando pensamos em investimentos, porém, é mais difícil perceber o impacto do dólar alto. Ainda que de maneira indireta, a moeda americana influencia a performance financeira das companhias negociadas na bolsa, seja pelo aumento de despesas com produtos e máquinas ou pelo encarecimento de dívidas que tenham moeda estrangeira.

Viagem agendada. E agora?

E se o seu investimento for aquela viagem internacional programada há meses? A recomendação do especialista para qualquer viagem fora do país é a mesma de sempre: planeje com antecedência a compra da moeda, divida o valor que quer levar em pequenas caixinhas que serão compradas aos poucos, para diminuir o impacto da oscilação do câmbio.

Se você está com viagem agendada para o mês que vem e ainda não começou a comprar moeda, a sugestão é ir comprando um pouquinho por semana. “A cotação vai se manter alta. Por isso, é importante ficar de olho e ir comprando à medida que vai conseguindo uma média um pouquinho mais favorável da moeda, dia após dia ou semana após semana”, explica.

Um ponto importante a ser observado é a mudança na regra do câmbio em compras no exterior pelo cartão de crédito. A partir de 1º de março, os emissores de cartões são obrigados a usar a taxa de câmbio do dia da compra realizada pelo cliente no exterior para converter os valores para o real, como foi determinado pelo Banco Central (BC).

Mas esse é assunto para outro texto! Acompanhe o blog do Daycoval, pois na semana que vem explicaremos mais sobre a nova regra do BC e como vai funcionar na prática.

Diversificar os investimentos é sempre a melhor solução em tempos de volatilidade

“Uma maneira do investidor qualificado se proteger é sempre ter uma parte da sua poupança não atrelada a ativos brasileiros e não relacionada ao Real. Os investidores que entenderam lá atrás a importância da diversificação geográfica e cambial estão protegidos da oscilação que o brasileiro está submetido agora. Os fundos BDR também são uma boa opção nesse cenário turbulento”, explica o gestor.

Também há recomendação para o investidor moderado. “Os fundos de investimentos multimercado, ao contrário dos fundos de ações, cujos gestores só têm mandato para comprar ações, podem apostar em câmbio, ainda que só para proteção e não especulação para ganhar dinheiro”, explica o gestor da Daycoval Investimentos.

No Daycoval Digital você encontra diversas opções de produtos para diversificar seus investimentos e ainda recebe a consultoria necessária para que esclarecera dúvidas.

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound