PALAVRA DO ECONOMISTA

Macro Alerta | IPCA: núcleos de inflação cedem e seguem em trajetória benigna

Veja o relatório em PDF aqui

O IPCA de abril apresentou variação negativa de -0,31%, mais intensa do que a esperada por nós e pelo mercado. Com isso o acumulado em 12 meses passou de 3,3% para 2,4%.

Apesar da pressão de preços relevante no grupo Alimentação e Bebidas, o efeito da baixíssima da demanda e da queda dos combustíveis se sobrepuseram.

Novamente, os indicadores de inflação com maior relação ao ciclo econômico, chamados de núcleos, apresentaram queda expressiva na margem. A inflação de serviços, em menor intensidade, também segue em trajetória benigna. Desta forma, a leitura é qualitativamente positiva para além da deflação expressiva do IPCA fechado.

Fonte: IBGE – Elaboração: Daycoval Asset

Atualmente projetamos 2,0% para o IPCA deste ano e 3,2% para 2021. Especificamente para 2021 nossa projeção possui viés baixista.  Em relação a política monetária, após comunicação recente do BCB, acreditamos que o BCB cortará a taxa de juros novamente em 0,75p.p. levando a taxa Selic a 2,25% a.a., patamar que deverá seguir até o final de 2021.

Rafael G. Cardoso, economista-chefe

rafael.cardoso@bancodaycoval.com.br

Antônio Castro, analista econômico

antonio.castro@bancodaycoval.com.br

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound