PALAVRA DO ECONOMISTA

Morning Call – Exterior misto e desdobramentos políticos no foco local

No exterior, as bolsas da Ásia e Pacífico fecharam sem direção única nesta quarta-feira, após o banco central chinês deixar as taxas de juros do país inalterados por mais um mês, apesar de recentes sinais de desaceleração econômica.

O PBoC, como é conhecido o BC chinês, decidiu manter seu juros de referência para empréstimos de curto e longo prazos nos níveis atuais pelo 18º mês consecutivo, embora o Produto Interno Bruto (PIB) da China tenha desacelerado mais do que o esperado no terceiro trimestre.

Na Europa, as bolsas operam majoritariamente em uma alta contida na manhã desta quarta-feira, enquanto investidores digerem dados de inflação da região e seguem atentos à temporada de balanços dos EUA.

Na zona do euro, confirmou-se hoje que sua taxa anual de inflação ao consumidor (CPI) saltou para 3,4% em setembro, atingindo o maior nível desde igual mês de 2008.

Embora os preços no bloco estejam se mantendo altos por mais tempo do que se imaginava, o Banco Central Europeu (BCE) continua avaliando que o salto da inflação é transitório.

Ainda em relação ao BCE, Jens Weidmann, um de seus dirigentes mais hawkish, anunciou hoje que deixará a presidência do banco central alemão (Bundesbank) no fim do ano.

Já no Reino Unido, o CPI anual desacelerou levemente no último mês, para 3,1%, mas é esperado que o índice voltará a ganhar força e não impedirá o Banco da Inglaterra (BoE) de elevar juros nos próximos meses.

Na Alemanha, o destaque foi a inflação ao produtor (PPI), que alcançou 14,2% em setembro, o maior patamar desde outubro de 1974.

Também seguem no radar os balanços corporativos dos EUA. Desde a semana passada, a maioria dos resultados tem surpreendido positivamente.

E com isso, os índices futuros das bolsas de Nova York operam perto da estabilidade. A agenda de hoje traz resultados de IBM, Tesla e Verizon.

Investidores também vão seguir monitorando comentários de dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) que participam de eventos ao longo do dia.

No fim de semana, terá início o período de silêncio, que impedirá autoridades do Fed de se manifestar publicamente até a próxima reunião de política monetária do BC americano, que está marcada para 2 e 3 de novembro.

Nos últimos meses, o Fed vem sinalizando que se prepara para começar a retirar estímulos monetários antes do fim do ano. Na tarde de hoje, o BC dos EUA divulga seu Livro Bege de condições econômicas regionais.

No Brasil, em meio ao temor do mercado de um Auxílio Brasil fora do teto, o investidor acompanha nesta quarta-feira a votação da PEC dos Precatórios na comissão especial da Câmara. No Senado, a expectativa é pela apresentação do relatório da CPI da Covid.

Pressionado por mais gastos fora do teto com programas sociais, o ministro da Economia, Paulo Guedes, que participa de dois eventos hoje, fica no radar.

A pressão nos preços também cria a expectativa nos mercados financeiros de que a Selic subirá 125 pontos-base no Copom deste mês.

E o Senado aprovou ontem a criação de um vale-gás para bancar metade do preço do gás de cozinha a famílias de baixa renda por cinco anos.

O relatório da CPI da Covid deve resultar em 11 crimes contra o presidente Jair Bolsonaro e há 72 pedidos de indiciamento. Caso aprovadas pela CPI, as propostas de indiciamento devem ser encaminhadas ao Ministério Público e à Câmara dos Deputados para que se promova a eventual responsabilização civil, criminal e política dos acusados.

Fonte: FGV, Bloomberg e Broadcast

Rafael G. Cardoso, economista-chefe

rafael.cardoso@bancodaycoval.com.br

Julio Mello de Barros, economista

julio.barros@bancodaycoval.com.br

Antônio Castro, analista econômico

antonio.castro@bancodaycoval.com.br

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound