PALAVRA DO ECONOMISTA

Morning Call – Exterior positivo com continuidade de reabertura

No Exterior, tanto as bolsas da Ásia quanto as da Europa, apresentam viés positivo neste início de semana as atenções voltadas para os esforços feitos por País como Itália, Espanha e Estados Unidos, para reabrir suas economias, após longos períodos de bloqueio, além dos comentários do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA), Jerome Powell que alertou ontem sobre a possibilidade de a retomada do país se estender até o fim do ano que vem e pode até não conseguir “se recuperar totalmente” até que uma vacina contra o vírus esteja sendo aplicada em larga escala.

Na Ásia, o Japão divulgou números econômicos menos trágicos do que se esperava. Com os efeitos da covid-19, o Produto Interno Bruto (PIB) japonês se contraiu em ritmo anualizado de 3,4% entre janeiro e março. A expectativa do mercado, no entanto, era de queda mais acentuada, de 4,8%.

Já na Europa, além da flexibilização das medidas de bloqueio para conter o surto, os investidores estão satisfeitos com as ações de alguns governos. Na França, a indústria automotiva receberá um plano de auxílio para impulsionar o consumo e algo também já está sendo estudado para o setor aeronáutico.

No Brasil, o destaque da agenda de indicadores desta manhã ficou para o Índice Geral de Preços 10 (IGP-10), publicado nesta manhã pela FGV que mostrou alta de 0,07% do indicador no mês de maio. Com este valor o índice acumula alta de 6,07% em 12 meses.

Na composição, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) (cujo peso é de 60% do IGP) variou 0,25% em maio. Já o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) (cujo peso é de 30% do IGP) caiu 0,51% em maio. Todas as classes de despesa componentes do índice registraram decréscimo em suas taxas de variação, com destaque para o grupo Transportes (-0,68% para -2,66%).

Para esta semana os indicadores da agenda local são limitados, ficando no destaque a arrecadação federa de abril. No exterior, no entanto, destaque para a divulgação da ata do Federal Reserve (Fed) sobre a reunião de política monetária dos dias 28 e 29 de abril, além dos pedidos de auxílio-desemprego nos EUA que vêm sendo monitorados de perto e, por fim, o índice de gerentes de compra (PMI) do setor industrial e de serviços (preliminar) de maio das principais economias desenvolvidas.

Na seara política nacional, depois do ex-ministro Sérgio Moro, agora é o empresário Paulo Marinho, ex-aliado do Jair Bolsonaro, que acusa o presidente de tentar interferir na Polícia Federal. Marinho acusa também a PF de vazar informações sobre uma operação ao senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). Marinho, que é suplente de Flavio, disse ter ouvido do senador que ele possuía informações sigilosas acerca de investigações envolvendo o ex-assessor Fabrício Queiroz. O procurador-geral da República, Augusto Aras, vai analisar a suspeita de vazamento de informações da PF.

Outro ponto de destaque fica para a demora de Bolsonaro em vetar a possibilidade de reajustes aos servidores do pacote de socorro aos Estados, neste sentido vários governadores estão dando aumento salarial para o funcionalismo, como os Estados de Mato Grosso e Paraíba. O prazo para o presidente resolver a questão vence no dia 27.

Rafael G. Cardoso, economista-chefe

rafael.cardoso@bancodaycoval.com.br

Antônio Castro, analista econômico

antonio.castro@bancodaycoval.com.br

Fonte: Broadcast e Bloomberg

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound