PALAVRA DO ECONOMISTA

Morning call – Mercados em cautela à espera de decisão do Fed

No exterior, as bolsas asiáticas fecharam majoritariamente em alta nesta quarta-feira enquanto as da Europa operam de forma mista, com variações não muito distantes da estabilidade. Ambas ficam à espera da decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) e seguida uma entrevista coletiva (15h30 de Brasília) de seu presidente, Jerome Powell, que deverá reiterar sua postura “dovish” pelo tempo que perdurar a crise gerada pela pandemia de coronavírus.

Além da expectativa com o Fed, investidores também acompanham a disseminação do coronavírus pelo mundo, particularmente nos EUA, e negociações no Congresso americano sobre um novo pacote fiscal de US$ 1 trilhão, comentado em maiores detalhes na edição de ontem deste matinal (aqui).

Na Oceania, a bolsa australiana ficou no vermelho, após dados fracos da inflação doméstica e a adoção de restrições a viagens por causa do recente aumento de casos de covid-19 no país.

Sobre o avanço do novo coronavírus nos Estados Unidos, o país divulgou pelo segundo dia seguido que teve mais de mil mortes por causa da doença. A força do coronavírus, porém, não está restrita à maior potência econômica do mundo. Sua arquirrival China também destacou a ocorrência de mais de 100 novos casos no país, o primeiro a ser atingido pela doença e que já está em fase de recuperação da economia. Em Hong Kong, pouco mais de uma centena de casos também voltaram a ser vistos. Da mesma forma, alguns países europeus têm registrado elevações de casos e teme-se uma segunda onda de infecções no continente.

Por outro lado, a Pfizer e a Moderna reforçaram que estão iniciando a próxima fase de testes de possíveis vacinas contra a covid-19 e que esperam colocá-las no mercado até o fim do ano.

No Brasil, a temporada de balanços continua, com repercussão dos resultados do Santander e da Telefônica no Brasil, que reportaram fortes quedas nos lucros computados por causa da pandemia de coronavírus, além da expectativa sobre os número da Vale, que serão divulgados após o fechamento dos mercados. Para a mineradora, é esperado que os preços mais altos de minério de ferro compensem os volumes mais fracos das vendas.

Na seara política, a comissão mista da reforma da tributária deve retomar hoje os trabalhos no Congresso. Contudo, o assessor especial do Ministério da Economia, Guilherme Afif Domingos, informou ontem à noite que o governo vai enviar já em agosto ao congresso a proposta de criação de um “microimposto” digital para desonerar a folha de salários das empresas e viabilizar a reforma tributária. Os cálculos iniciais apontam um potencial de arrecadação de R$ 120 bilhões. A alíquota em estudo é de 0,2% e a ideia é ter uma base de tributação mais ampla do que a da extinta CPMF.

Pode gerar algum ruído ainda o veto do presidente Jair Bolsonaro ao projeto de lei que concedia o pagamento da cota dupla do auxílio emergencial – ou seja, R$ 1.200 – a pais solteiros independentemente do gênero. Agora, a decisão final caberá aos parlamentares, que podem derrubar o veto do presidente e restabelecer a medida.

Rafael G. Cardoso, economista-chefe

rafael.cardoso@bancodaycoval.com.br

Antônio Castro, analista econômico

antonio.castro@bancodaycoval.com.br

Fonte: Broadcast e Bloomberg

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound