ENTRETENIMENTO

Viaje na música!

Para muita gente, o turismo musical é muito mais que um hobby. É um estilo de vida que permite combinar a paixão pela música com a vontade de descobrir paisagens dos mais diferentes cantos do mundo.


Quantas vezes, ao sentirmos um determinado cheiro ou darmos uma primeira garfada em um prato suculento, não somos imediatamente transportados para outros lugares, seja no tempo ou no espaço? Pois é, assim como o olfato e o paladar, a audição também é capaz de nos fazer viajar. Atire o primeiro vinil quem nunca se desligou completamente do mundo ao ouvir os primeiros acordes de sua canção preferida.

Se você adora música e tem paixão por desbravar o mundo, que tal juntar esses dois prazeres e fazer uma imersão cultural que vai muito além da audição? “O turismo musical não envolve apenas viagens para festivais. A ideia central é conhecer vários lugares tendo a música como fio condutor”, explica a jornalista Priscila Brito, uma das criadoras do site Festivalando, que, como o nome sugere, é dedicado ao tema que ela considera um verdadeiro estilo de vida.

Visitar lugares que tenham uma ligação forte com a música seja por um determinado fato histórico, um gênero ou então pelos festivais e shows que organiza, resume a essência do turismo musical. “Unir música e viagem é um jeito muito prazeroso de conhecer o mundo”, observa Priscila.

Além da paixão pela música, Priscila e a amiga Gracielle Fonseca têm muitas outras coisas em comum: idade, cidade onde moram, profissão, ida a festivais internacionais e um site que nasceu do interesse em juntar viagem e música, o Festivalando. Ambas são jornalistas, têm 32 anos e vivem em Belo Horizonte (MG).

Elas se conheceram na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), quando cursavam Jornalismo. Gracielle já morou na Dinamarca e teve a oportunidade de ir a inúmeros festivais europeus. O Festivalando foi criado em 2014, justamente no período em que ela viveu na Europa. Acima de tudo, o site ajudou a selar a amizade entre as duas, que passaram um mês viajando e indo a festivais como Roskilde (Dinamarca), Brutal Assault (República Tcheca), Popegoja (Suécia) e Sziget (Hungria).

O Sziget Festival, que é realizado todos os anos na ilha de Hajógyári-Sziget, na Hungria, e reúne milhares de pessoas durante uma semana.

 

Aliás, o Roskilde foi a primeira vez de Priscila em um festival internacional. “É um dos mais antigos da Europa e, naquele ano, subiriam ao palco artistas como Rolling Stones e Arctic Monkeys. Não pensamos duas vezes antes de comprar os ingressos”. Já o primeiro festival internacional de Gracielle foi o Brutal Assault, em 2009. Realizado em um forte medieval, reúne bandas de heavy metal e costuma ter ingressos a preços mais amigáveis que outros do gênero no Velho Continente.

Experiências marcantes coordenador de pós-produção Rodolfo Yuzo, 26 anos, decidiu começar suas investidas turístico-musicais por um evento que muitos consideram o melhor de todos: o Coachella Valley Music and Arts Festival, na Califórnia (EUA). Na edição de 2014, ele pôde ver de perto uma de suas bandas favoritas, o Arcade Fire. A experiência foi tão boa que suas datas de viagem passaram a coincidir com o calendário de festivais como Primavera Sound, Sónar Barcelona e Solid Sound, todos na Espanha, onde ele esteve em 2015.

Em 2016, Rodolfo voltou ao Primavera Sound e ainda assistiu ao BUE Festival, em Buenos Aires (Argentina). Já em 2017, decidiu atravessar o globo e conhecer o Fuji Rock, em Tóquio (Japão). “Além disso, já fiz um bate e volta para o Canadá só para não perder os dois últimos shows da turnê Reflektour, do Arcade Fire.” Foi em uma dessas apresentações que ele viveu uma experiência única: o vocalista da banda, Win Butler, pegou a câmera de suas mãos e tirou uma foto. “Em seguida, ele arremessou a máquina para o público, que foi passando até que ela chegasse a mim de novo.”

Com tantos festivais na lista, pode até parecer difícil escolher um preferido, mas nenhum desses três aficionados por música hesita em responder. “Meu favorito é o Primavera Sound, porque tem as melhores atrações por um preço muito bacana”, diz Rodolfo. “É bem equilibrado, conta tanto com bandas grandes, cultuadas, quanto pequenas e promissoras, além de atrações exclusivas, muitos grupos de países emergentes e vários artistas brasileiros.”

Os favoritos de Gracielle são o Sweden Rock (Suécia), pela beleza do entorno, a organização, o público, o clima e a segurança do camping, além da programação, e o maior festival de heavy metal do mundo, o Wacken Open Air (Alemanha). Já Priscila fica dividida entre o Lollapalooza Chile, o consagrado Montreux Jazz Festival (Suíça) e o dinamarquês Roskilde. “O primeiro pela organização e eficiência”, explica. “Montreux pelo clima de Riviera, a paisagem imbatível e a grande quantidade de atrações gratuitas, e Roskilde pela autenticidade.”

Reino Unido além dos Beatles

Dificilmente um fã de rock deixaria o Reino Unido de fora de sua rota. Apesar de ser a eterna “Terra dos Beatles”, a ilha tem muitas atrações além da famosa Abbey Road, em Londres, um dos lugares mais fotografados da capital inglesa, e de Liverpool, onde o famoso quarteto se formou. Manchester, por exemplo, é ainda mais influente, sendo o berço de bandas como Oasis, The Smiths, Joy Division, The Stone Roses e Inspiral Carpets.

Quando se fala em festivais, é impossível não pensar no Reading Festival, criado em 1961, e, principalmente, no Glastonbury. Organizado desde 1970, na pequena cidade de mesmo nome, a 50 quilômetros de Bristol, ele povoa o imaginário de muita gente. “Minha ligação afetiva com a música está profundamente ligada ao rock inglês de diferentes décadas. Quando fui à Inglaterra em 2012, o festival não aconteceu por causa da Olimpíada, mas comprovei o que já imaginava: os ingleses celebram a música de um jeito único”, opina Priscila.

Rodolfo reconhece a importância do evento, mas faz ressalvas. “Para mim, a tríade de maiores festivais é Coachella, Primavera Sound e Glastonbury. Gostaria muito de ir ao Glastonbury, mas os ingleses costumam ser insuportáveis quando bebem muito. Além disso, o preço e o inconveniente de ter que acampar na lama, no frio, me fazem questionar se vale a pena realizar esse sonho.”

Rodolfo terá algum tempo para tomar sua decisão, já que a próxima edição do Glastonbury está programada apenas para 2019. Como já aconteceu em alguns anos, em 2018 o festival fará uma pausa. Uma alternativa é ir ao Reading, na cidade inglesa de mesmo nome.

 

Coachella Valley Music and Arts Festival, o principal evento musical da Califórnia (EUA) e um dos maiores do mundo.

 

Música clássica na Europa

Nem só de rock, heavy metal e música pop vive o turismo musical. Exemplo disso é o serviço oferecido pela empresária Gloria Guerra, de São Paulo, que já organizou turnês de orquestras e músicos clássicos em visita ao Brasil. Em 2010, ela levou um grupo para assistir às finais do Concurso Chopin, em Varsóvia, na Polônia. Desde então, vem sendo procurada por um público interessado em viajar para assistir a concertos de música clássica em importantes festivais europeus. Como Gloria não é agente de viagens, é o cliente que se responsabiliza pelas passagens aéreas e o seguro-viagem. Sua prioridade é se inteirar sobre as apresentações das orquestras, os festivais mais procurados e a agenda dos artistas. “Monto uma programação que inclui diversos segmentos da música clássica: orquestral, de câmara e apresentação de solistas em recital.”

“Para mim, a tríade de maiores festivais é Coachella, Primavera Sound e Glastonbury” – Rodolfo Yuzo

 

Primavera Sound, em Barcelona, o melhor festival do mundo, na opinião do paulistano Rodolfo Yuzo,
apaixonado pelo assunto.

 

A empresária faz a curadoria das viagens, incluindo o hotel e os traslados terrestres. Para grupos com mais de seis pessoas, o serviço oferecido por Gloria inclui uma palestra de um especialista (musicólogo, maestro, jornalista, professor ou artista), que introduz o repertório e os compositores uma hora antes de cada concerto.

Os grupos são formados por, no máximo, 12 pessoas, e os valores variam de acordo com o período, a importância dos concertos e as diárias dos hotéis. Entre os mais procurados, segundo Gloria, estão Salzburg (Áustria), Lucerna (Suíça) e os de fim de ano em Berlim (Alemanha) e Viena (Áustria). “Tenho contato direto com os teatros”, revela. “Para o concerto de fim de ano da Filarmônica de Berlim, por exemplo, consigo os ingressos em maio, sendo que a venda online só começa nos primeiros dias de dezembro.”

Com o apoio da Sociedade de Cultura Artística, que divulga as viagens para centenas de assinantes, ela tem um retorno satisfatório, o que aumenta sua responsabilidade.

“É um público com grande conhecimento musical, há muita interação e troca de informação nas palestras.”

 

Guia do mochileiro de festivais

Sair do Brasil para curtir um grande evento musical em outro país requer um pouco mais que organização. No site Festivalando, as autoras reúnem dicas fundamentais para aproveitar as viagens e os eventos, da escolha do destino ao planejamento financeiro. Preparar- se psicologicamente para fazer a seleção, estar disposto a abrir mão de algum conforto e se inteirar da logística dos festivais são algumas das recomendações. “Não adianta comprar passagem, reservar hotel e só depois procurar um evento no destino escolhido. Fiz isso algumas vezes e acabei perdendo a oportunidade de aproveitar grandes shows”, comenta Priscila. A jornalista aconselha os interessados a verificar a data do festival desejado, comprar os ingressos e só então reservar o hotel e adquirir as passagens. “No caso dos mais concorridos, é preciso se planejar com um ano de antecedência, pois os ingressos começam a ser vendidos muito antes da data e se esgotam rapidamente.” A jornalista sugere ainda disposição para conhecer destinos menos óbvios, especialmente na Europa, já que esses eventos costumam ser realizados em cidades menores. “Você tem a chance de se surpreender com lugares que jamais imaginou conhecer e, ao mesmo tempo, nada te impede de visitar pontos turísticos próximos, basta se planejar.”

 

Jazz n’ Blues

E que tal percorrer a Mississippi Blues Trail no rastro do estilo nascido no sul dos Estados Unidos? Das ruas das cidades do Mississippi, passando por clubes, igrejas e plantações de algodão, o viajante tem a oportunidade de conhecer museus e locais de nascimento de grandes nomes do blues, como B.B. King, Muddy Waters e Robert Johnson.

Outra opção é a chamada Rota do Blues, que começa em Chicago e passa por Nashville e Memphis, no Tennessee, e New Orleans, na Louisiana. Aliás, nesta última, o jazz se destaca: na Bourbon Street, no coração do French Quarter, bairro mais antigo da cidade, é possível não apenas conferir boas sessões de jazz como também provar o melhor da culinária local. Entre o fim de abril e o começo de maio, acontece o New Orleans Jazz & Heritage Festival.

Outros festivais que agradam aos amantes do jazz são o Montreal Jazz Festival, no Canadá, o maior do gênero no mundo, segundo o Guinness Book, e o Montreux, na Suíça, listado como o segundo maior do planeta no livro dos recordes.

Para quem quer pegar a estrada ao som do blues, a dica é percorrer a Mississippi Blues Trail e a Rota do Blues, nos EUA.

 

Tradição verde e amarela

Embora tenha na música uma de suas mais importantes e populares manifestações culturais, o Brasil não tem muita tradição em festivais musicais de grande porte. A exceção é o Rock in Rio. Por aqui, poucos festivais conseguiram ser tão longevos quanto o evento criado pelo empresário Roberto Medina em 1985 e que marcou a vida de muita gente ao trazer ao país astros como Queen, AC/DC, Iron Maiden, James Taylor, Guns N’ Roses, R.E.M. e Rod Stewart, entre tantos outros, dando também visibilidade a artistas brasileiros, como Os Paralamas do Sucesso, Cássia Eller, Ira! e Capital Inicial. Além de transformar o Rio de Janeiro na Cidade do Rock, o festival foi exportado para outras cidades do mundo, como Lisboa (Portugal), Madri (Espanha) e Las Vegas (EUA). Em 2017, chegou à sua sétima edição em solo brasileiro, contando com artistas como Maroon 5, Pet Shop Boys, Red Hot Chili Peppers, Aerosmith e Justin Timberlake.

Quem fez o caminho inverso foi o Lollapalooza. Criado em 1991 e realizado anualmente desde 2005 em Chicago (EUA), o evento desembarcou pela primeira vez no Brasil em 2012 , em São Paulo, trazendo Arctic Monkeys e Foo Fighters como principais atrações. Aliás, quem quiser se programar para a edição de 2018 deve reservar o período de 23 a 25 de março e ficar atento às informações oficiais.

 

Texto Lucie Ferreira

 

 

Serviços:

Planeje sua viagem musical: Coachella Valley Music and Arts Festival (coachella.com) | Festivalando (festivalando.com.br) | Glastonbury Festival (glastonburyfestivals.co.uk) |Gloria Guerra (g.guerra1986@gmail.com) | Lollapallooza Brasil (lollapaloozabr.com) | Mississippi Blues Trail (msbluestrail.org) | Montreal Jazz Festival (montrealjazzfest.com) | Montreux Jazz Festival (montreuxjazz.com) | New Orleans Jazz & Heritage Festival (nojazzfest.com) | Primavera Sound (primaverasound.com) | Reading Festival (readingfestival.com) | Rock in Rio (rockinrio.com) | Roskilde Festival (roskilde-festival.dk) | Sweden Rock (swedenrock.com) | Wacken Open Air (wacken.com)

MOEDA & CÂMBIO

Antes de embarcar, procure o Daycoval Câmbio e adquira a moeda de seu país de destino com as melhores condições. Seja dinheiro em espécie ou cartão pré-pago em moeda estrangeira, o Daycoval Câmbio tem a solução para você viajar tranquilo. Para mais informações, acesse

www.daycovalcambio.com.br ou ligue 0300 111 2009.

United Kingdom Cheap Football Shirts shop:https://www.football-shirtssale.com/
It is time to prepare with trendy custom football hoodies https://www.football-shirtssale.com/ and customized womens kits. Whether you’re heading to the big recreation or simply want to put on your loyalty kids replica football kits uk in your chest, the most effective selection of Navy t-shirts, tank tops, and more is right here on the official Navy Store where your buy supports Navy Athletics. The Boombah INK 7 on 7 Soccer Ultra Performance Arsenal Home Football Shirt 2019/2020 Quick Sleeve Compression shirts encompasses a nice minimize cheap Manchester United football shirts Ultra Efficiency blended knit fabric that gives a terrific compression fit with locked-down protection.
We’re happy with the amount of options you’ve got at your disposal with our ‘design your individual’ instrument, but we’re additionally dedicated to offering high quality grownup football uniforms which might cheap Arsenal shirts football shirts be each comfy and durable. I’ve tried factories in each Thailand and China to fabricate sportswear, health clothing Chelsea Home Football Shirt 2019/2020 and football shirts for my online store and successful brand.
So go forward and order your customized football hoodies, women soccer T-shirts, Referee Tee Chelsea Away White Football Shirt 2019/2020 and custom womens kits and rock in your match. We are going to work with you intently to come up with the perfect set of football designs Chelsea Training Football Shirt 2019/2020 Kid kits(top+shorts)to your organization and then ship the order to our manufacturer. This excellent picture collections Liverpool Home Football Shirt 2019/2020 about Lamp Thought Icon Png Luxury 13 Sporty Soccer Football Icons Freebie Pinterest is out there to download.
Customize lots of of dry performance t-shirts designed to maintain gamers cool in any circumstances. Along with custom soccer kits Liverpool White Away Football Shirt 2019/2020 and shirts, we offer matching soccer shorts, custom jackets and equipment. Finally if you want to get new and the most recent wallpaper associated with Lamp Idea Icon Png Luxury 13 Sporty Soccer cheap Tottenham Hotspur football shirts Football Icons Freebie Pinterest, please observe us on fb or bookmark this website, we strive our best to offer you daily update with fresh and new wallpaper 2014.
When you’ve got a specific fashion in thoughts order our custom made Liverpool Black Goalkeeper Shirt 2019/2020 Kid kits(top+shorts) soccer uniforms constructed specifically in your crew. Sharing your love of football, or possibly simply your cheap Real Madrid football shirts assist for the football enthusiast in your loved ones, is simple with Pink Lily’s tremendous Liverpool Black Goalkeeper Football Shorts 2019/2020 trendy number of cute soccer shirts. At TeamShirts, we perceive teamwork and how important prime quality football uniforms and a custom staff look are on your staff’s performance and pursuit of success.
After choosing the style and cheap Barcelona football shirts colors of your crew football shirts you possibly can choose the collar kind, material and whether or not you want long or short sleeves. Packages costs include a group identify printed on front and a participant quantity cheap Bayern Munich football shirts on the back of the soccer kit. Personalised T-Shirts with a Skinny Match, Retro Styling or V-Neck. Group Colours has cheap Juventus football shirts all the options you want for creating men’s customized football shirts.
Designing and creating customized t-shirts for your group cheap Paris Saint Germain football shirts couldn’t be simpler. I needed kits for a flag soccer group and only had a week to get them delivered. Pick from a top notch assortment of Michigan State Football Jerseys Liverpool Black Goalkeeper Football Shirt 2019/2020 and T-Shirts for the #1 Spartans Fan or Alumni. Whether or not you are a part of a school workforce or simply having fun with some buddies, you possibly can design custom football uniforms and fan kits for Liverpool White Football shirt 2019/2020 Kid kits(top+shorts) players on the sector, workers on the sidelines and folks in the stands.

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
Spotify
Consent to display content from Spotify
Sound Cloud
Consent to display content from Sound