Categorias

Vieses comportamentais: como eles afetam suas decisões nos investimentos

como_gerenciar_seus_investimentos_ao_longo_do_tempo

Como os investidores tomam decisões sobre onde investir? Como gerenciam seus investimentos ao longo do tempo?

Se você nunca parou para pensar sobre isso, saiba que compreender os fatores que permeiam o funcionamento da mente na hora de investir é fundamental para fugir de erros e aproveitar boas oportunidades.

Neste artigo, você vai descobrir quais são as principais vertentes existentes sobre os processos decisórios relacionados a investimentos, além de conhecer alguns dos vieses comportamentais que podem afetar diretamente a sua tomada de decisão. Boa leitura!

Como a concepção tradicional de finanças vê a tomada de decisão?

A concepção tradicional de finanças, que bebe da fonte da economia neoclássica, parte da hipótese de mercados eficientes e considera, portanto, que os investidores são racionais.

Isso significa que eles procuram maximizar seus próprios interesses financeiros, avaliando informações de maneira objetiva e tomando decisões que otimizam seus resultados.

Além disso, essa vertente de pensamento assume que os investidores possuem algumas características principais como:

  1. São avessos a risco: procuram de forma racional e objetiva minimizar riscos e maximizar retornos de seus investimentos.
  2. Têm expectativas racionais: avaliações e projeções refletem todas as informações relevantes disponíveis.
  3. Integram seus investimentos: a avaliação de seus investimentos leva em conta o todo, ou seja, considera a carteira como uma unidade composta por todos os ativos que a compõem.
o_que_sao_vieses_comportamentais

Qual é a visão da linha das finanças comportamentais?

Jáa vertente das finanças comportamentais levanta questionamentos sobre o real acesso, capacidade de processamento e interpretação das informações disponíveis.

A grande contribuição teórica dessa linha foi trazer elementos comportamentais e emocionais para a discussão do processo decisório de investimentos.

Essa abordagem reconhece que nem sempre os investidores agem de forma inteiramente racional e, dessa forma, cometem erros sistemáticos.

A corrente comportamental assume que os investidores possuem algumas características principais, como:

  1. São avessos a perda: investidores evitam incorrer em perdas, mesmo que para isso mantenham ativos perdedores na carteira.
  2. Possuem racionalidade limitada: o processo decisório incorpora uma série de fatores, nem sempre lógicos e objetivos, o que nem sempre maximiza a sua utilidade esperada.
  3. Segregam seus investimentos: investidores tendem a avaliar seus investimentos separadamente e não de forma integrada, podendo resultar em diversificações ruins.

O que são vieses comportamentais?

O foco do estudo na corrente comportamental passou a ser como os aspectos comportamentais e emocionais influenciam o processo decisório. Essa corrente teórica defende que os processos decisórios são realizados sob racionalidade limitada.

Durante experimentos, os pesquisadores notaram que as pessoas ao invés de buscarem mais informações para tomar uma decisão em condições de incerteza, acabavam simplificando e acelerando o processo.

Isso ocorreria por que os investidores se baseiam em alguns princípios não racionais, comumente chamados de regras de bolso, para avaliarem probabilidades e prever cenários, economizando assim, tempo para execução da tarefa.

O grande problema é que a simplificação do processo decisório baseado nessas regras de bolso, sujeitam o investidor a incorrer em erros sistemáticos, que são os chamados vieses comportamentais, e que eventualmente podem resultar em decisões ruins.

Quais são os principais vieses comportamentais?

Confira quais são os vieses comportamentais mais comuns e como eles podem influenciar a sua tomada de decisão.

Ancoragem

O viés da ancoragem consiste em uma tendência a depender excessivamente de informações iniciais para tomar decisões.

Nesse sentido, o investidor fica ancorado a essa informação. Vamos ver alguns exemplos:

  • Exemplo 1: Um investidor que acompanha o mercado acionário identifica que o preço de uma ação está bem abaixo do que costuma estar e passa a considerá-la como boa oportunidade de compra apenas por isso, ignorando outros fatores que podem estar influenciando essa desvalorização, como uma piora nos fundamentos da empresa, por exemplo.
  • Exemplo 2: Ao ler um relatório de um analista de ações, um investidor pode ancorar suas expectativas no preço alvo definido, mesmo que surjam novas informações que indiquem uma perspectiva diferente. 

Aversão à perda

principais_vieses_comportamentais

O viés de aversão à perda é uma tendência a valorizar mais as perdas do que os ganhos considerando impactos de mesma magnitude, o que faz com que o investidor fique relutante em aceitar uma perda.

  • Exemplo: Um investidor possui um ativo em carteira que vem apresentando recorrentes desvalorizações. Porém, ele ainda tem esperança de que o preço irá voltar subir e o mantém na carteira.

Excesso de confiança

O excesso de confiança se resume na tendência a superestimar a precisão de suas próprias previsões e habilidades de investimento, subestimando sistematicamente o risco.

  • Exemplo 1: Um investidor confiante em sua capacidade de previsão dos movimentos do mercado acionário pode realizar negociações excessivas, acreditando que tem uma vantagem sobre outros investidores, o que pode levar a custos de transação mais altos e retornos abaixo do esperado.
  • Exemplo 2: Ao analisar ações, um investidor acredita que identificou um papel que possui elevado potencial de valorização quando comparado aos demais negociados no mercado. Esse investidor, confiante em sua análise, acha desnecessário diversificar e concentra seu capital em um único ativo, elevando substancialmente o risco de sua carteira.

Disponibilidade

Tendência a dar mais peso a informações, lembranças e situações prontamente disponíveis é conhecida como viés de disponibilidade. A memória recente tem mais peso durante o processo decisório.

  • Exemplo 1: Ao ter acesso a uma notícia negativa amplamente divulgada sobre uma empresa específica, o investidor pode superestimar o real impacto negativo e tomar decisões impulsivas, como vender suas ações imediatamente.
  • Exemplo 2: Após altas recentes no mercado acionário, um investidor pode basear suas decisões na informação prontamente disponível (euforia devido à valorização) e não se recordar de crises passadas, podendo levar a um comportamento negligente em relação ao risco e adversidades.

Viés do status quo

identificar_vieses_comportamentais

O viés do status quo é basicamente a tendência a manter os investimentos como estão.

  • Exemplo1: Investidores podem não ajustar suas carteiras à medida que o cenário vai mudando e apresentando opções mais interessantes de ativos, pois seus investimentos sempre foram feitos assim.
  • Exemplo 2: Investidores acostumados a investir em um ativo menos rentável mantêm seus investimentos como estão, mesmo quando são apresentados a opções mais interessantes com a mesma proposta, pois sempre aplicaram dessa forma.

Viés de Herding (Efeito Manada)

O viés de Herding é a tendência a seguir a multidão ou reproduzir as mesmas decisões de outras pessoas resultando em ações irracionais.

  • Exemplo 1: Compra e venda em massa. Em momentos de elevada euforia e pânico nos mercados acionários, outros investidores podem ser influenciados a comprar ou vender, independentemente de qualquer análise prévia.
  • Exemplo 2: Ao ouvir uma dica de compra de ação de um amigo ou nas redes sociais, um investidor pode se sentir propenso a seguir a sugestão, mesmo sem efetuar uma avaliação prévia.

Conclusão

Como vimos, os vieses comportamentais tem significativa influência nas decisões de investimento e podem levar a resultados indesejados.

Ao tomar consciência da existência desses vieses, você pode adotar uma postura mais cuidadosa e sempre buscar fundamentar suas decisões de investimentos, evitando a influência excessiva de emoções e comportamentos irracionais.

 A educação financeira e o acompanhamento constante dos investimentos são essenciais para evitar cair nessas armadilhas e buscar melhores resultados financeiros.

Por isso, conte com nosso time de especialistas de investimentos para te apoiar nas suas decisões e alcançar seus objetivos financeiros.

Recomendar Conteúdo:
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Quem leu essa matéria também gostou

Matérias mais lidas

Gostaria de receber novidades?

    Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

    WhatsApp
    LinkedIn
    Twitter
    Facebook

      Ei, tá curtindo o nosso Blog?

      Inscreva-se para receber as nossas novidades dicas financeiras exclusivas e conteúdo especial na sua caixa de entrada.




      Obrigado por se inscrever!