Categorias

Quanto rende R$ 100 mil na poupança x outras aplicações seguras? Veja o cálculo

Quanto-rende-100-mil-por-mês-na-poupança

A poupança é uma das opções de investimento mais populares entre os brasileiros. Muitos escolhem essa modalidade por conta da sua simplicidade e segurança.

Qualquer um com uma conta bancária pode ter uma poupança e começar a depositar dinheiro de forma imediata.

Segundo o Raio X do Investidor, estudo realizado pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), a caderneta de poupança continua sendo o produto financeiro mais utilizado pelos brasileiros, com 26% de preferência em 2022.

Porém, o que muita gente não sabe é se a poupança oferece, de fato, uma boa rentabilidade. Será que esta é a melhor escolha para investir R$ 100 mil?

Para responder a essa pergunta é importante que você conheça um pouco mais sobre como funciona esse investimento. E a gente vai te ajudar!

Neste artigo, você vai descobrir quanto rende R$ 100 mil na poupança, como funciona a rentabilidade desse investimento e se vale a pena investir. Boa leitura!

O que é poupança?

Disponibilizada por bancos, a poupança é uma forma de investimento de renda fixa que permite que os investidores depositem seu dinheiro e recebam juros sobre o valor investido.

É uma modalidade de investimento de baixo risco e fácil acesso, muito buscada por quem deseja uma alternativa segura para guardar dinheiro.

A poupança conta com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Isso quer dizer que, em caso de falência do banco, este fundo garante até R$ 250 mil por CPF.

Além disso, há uma certa previsibilidade quanto ao retorno esperado, como veremos mais adiante.

Como a finalidade é poupar, não é possível realizar transações financeiras ou receber salário por meio da conta poupança.

Entretanto, depósitos, saques e transferências podem ser realizados sempre que o poupancista desejar.

Outra aparente vantagem da poupança é que não há cobrança de Imposto de Renda. Contudo, esse fato por si só não significa que este produto é mais rentável que opções que são tributadas, como um CDB, por exemplo.

Como o rendimento da poupança é calculado?

Cálculo Mensal

O rendimento da poupança é calculado mensalmente com base na Taxa Referencial (TR) e na Taxa Selic.

A TR é uma taxa que costuma ser baixa. Já a Selic é a taxa básica de juros da economia.

Quando a Taxa Selic está abaixo de 8,5% ao ano, o rendimento da poupança é de 70% da Taxa Selic mais a TR.

No entanto, quando a Taxa Selic está acima de 8,5% ao ano, o rendimento da poupança é de 0,5% ao mês mais a TR.

A rentabilidade da poupança é sempre calculada de acordo com essas regras, independente do banco no qual você aplique.

Cálculo Anual

É importante lembrar que, devido à variação da Taxa Selic, o rendimento da poupança pode variar ao longo do ano.

Sendo assim, ao multiplicar o valor mensal do rendimento da poupança por 12, só é possível ter uma noção da rentabilidade atual deste produto.

quanto-rende-100-mil-no-tesouro-direto

Aniversário da poupança

Outro aspecto relevante é que a remuneração da poupança só é paga na data de aniversário da aplicação.

Isso quer dizer que se você aplica uma quantia de dinheiro na poupança no dia 10 de maio, só receberá o retorno do dia 10 de junho.

Por conta disso, se você fizer depósitos em datas variadas, os retornos também virão em momentos diferentes.

Além disso, se você sacar o dinheiro antes da data de aniversário, você perde a remuneração.

 Isso não acontece em outros tipos de investimento de renda fixa, que oferecem rendimentos diários.

Quanto rende R$ 100 mil na poupança por mês?

Se você está pensando em investir R$ 100 mil na poupança e quer saber qual seria o seu retorno mensal, o primeiro passo é olhar para a Selic.

Levando em consideração que o valor atual da taxa básica de juros é de 12,75%, a fórmula utilizada será: 0,5% + TR (0,11%) = 0,61%. Sendo assim, o rendimento mensal seria de R$ 610.

Vale lembrar que esse valor é uma estimativa e pode variar em caso de mudança no valor da taxa Selic ou da TR.

Para fazer as contas em um cenário com taxas diferentes, você pode utilizar a calculadora do Banco Central.

Em quais outras aplicações seguras posso investir além da poupança?

quanto-rende-100-mil-no-cdb

Embora a poupança seja um investimento prático e de baixo risco, existem outras alternativas que podem oferecer rendimentos mais atrativos e também são muito seguras e acessíveis. Aqui estão algumas delas:

Tesouro Direto

O Tesouro Direto é um programa do governo que permite que os investidores comprem títulos públicos.

Esse investimento se destaca pela sua segurança, já que quem compra um título do Tesouro está emprestando dinheiro para o Governo Federal, o que o torna ainda mais seguro do que a poupança.

Com aporte inicial mínimo de apenas R$ 30, alta liquidez e rendimento diário, esse investimento é uma ótima alternativa à poupança.

Quanto à rentabilidade, existem diferentes tipos de títulos, com prazos e retornos variados, São eles:

  • Tesouro IPCA+: segue o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) somada à uma taxa prefixada.
  • Tesouro Selic: segue a taxa Selic e tem alta liquidez.
  • Tesouro Prefixado: a taxa de juros é determinada no momento da compra.

CDB (Certificado de Depósito Bancário)

O CDB é um título de renda fixa emitido por bancos. Com opções prefixadas, pós-fixadas e híbridas, ele oferece rentabilidades geralmente superiores às da poupança, mesmo com a cobrança do Imposto de Renda.

Além de contar com a garantia do FGC assim como a poupança, também existem títulos com liquidez diária, ou seja, você pode resgatar a aplicação quando quiser.

LCI (Letra de Crédito Imobiliário) e LCA (Letra de Crédito do Agronegócio)

Também emitidas por bancos, as LCIs e LCAs são títulos de renda fixa que financiam setores específicos da economia: o mercado imobiliário e o agronegócio.

Esses papéis também contam com a garantia do FGC e, para melhorar, ainda são isentos de Imposto de Renda.

Contudo, as LCAs e LCIs não oferecem liquidez diária e o prazo mínimo de investimento é de 90 dias.

No infográfico abaixo, compare qual seria o rendimento líquido de R$ 100 mil investidos por 1 ano na poupança, em um título do Tesouro, um CDB e uma LCI, levando em consideração as taxas atuais.

gráfico-rendimento

* Os cálculos são meramente ilustrativos com base nas taxas vigentes em outubro de 2023.

**Rentabilidade considerada: Tesouro Pré 11,52% a.a., fundo DI 98% CDI, CDB 107% CDI, LCA, 100% CDI, Poupança 8,32% nos últimos 12 meses. CDI atual: 12,65% a.a.

Se você investe na poupança e ainda não tem conta aqui no Daycoval, você está perdendo a chance de fazer o seu dinheiro render mais com a mesma segurança. Abra a sua conta e invista já!

Conclusão

Como vimos, investir R$ 100 mil na poupança, em um primeiro momento, pode parecer uma boa decisão para muitos brasileiros.

Entretanto, existem outras alternativas muito seguras e mais rentáveis.

Por isso, antes de investir, considere as taxas de juros do momento e avalie alternativas de investimento que possam oferecer rendimentos mais atrativos e que se adequem ao seu objetivo e perfil de investidor.

O Tesouro Direto, CDB, LCI e LCA são algumas das opções disponíveis no mercado que podem ser consideradas para diversificar seus investimentos e buscar melhores resultados financeiros. Bons investimentos!

Recomendar Conteúdo:
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Quem leu essa matéria também gostou

Matérias mais lidas

Gostaria de receber novidades?

    Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

    WhatsApp
    LinkedIn
    Twitter
    Facebook

      Ei, tá curtindo o nosso Blog?

      Inscreva-se para receber as nossas novidades dicas financeiras exclusivas e conteúdo especial na sua caixa de entrada.




      Obrigado por se inscrever!