Categorias

Fundo de Fundos: saiba o que são e se vale a pena investir!

O que significa fundos de fundos

Você já ouviu falar em Fundo de Fundos? Também conhecido pela abreviação FOF, esse produto financeiro com nome curioso apresenta uma abordagem de investimento um tanto quanto diferente, mas, ao mesmo tempo, cheia de vantagens. 

Se você quer investir de forma diversificada e prática, provavelmente você irá se interessar pelos diferenciais desses fundos que não investem diretamente em ativos financeiros, mas sim em outros fundos.

Neste artigo, iremos abordar o funcionamento dos Fundos de Fundos, os principais tipos, vantagens, desvantagens e muito mais. Boa leitura!

O que são Fundos de Fundos?

Os Fundos de Fundos, ou FOFs, são fundos de investimento que, em vez de investirem diretamente em produtos como ações, títulos de renda fixa e imóveis, concentram seus recursos em outros fundos.

Isso significa que gestores de FOFs direcionam suas análises para identificar estratégias vantajosas criadas por outros gestores de fundos, proporcionando aos investidores uma abordagem diversificada e uma boa relação entre risco e retorno.

Quem compra cotas de um FOF está investindo em uma carteira ampla de ativos sem precisar escolher cada um individualmente.

Especialmente por conta dessa diversificação e da praticidade, esse tipo de fundo costuma ser indicado para quem está iniciando no mundo dos investimentos.

Como os FOFs funcionam?

Quais são os fundos de fundos

De maneira objetiva, os Fundos de Fundos têm o mesmo mecanismo dos demais fundos. A ideia central é reunir recursos de investidores que tenham objetivos semelhantes e compor uma carteira que possibilite alcança-los.

Para isso, um gestor fica responsável por selecionar os papéis com caraterísticas compatíveis, o que, neste caso, é feito por meio da compra de cotas de outros fundos.

Por determinação da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), um FOF precisa investir pelo menos 95% do seu patrimônio em cotas de outros fundos.

Quais os tipos de FOFs?

Os Fundos de Fundos são classificados em três diferentes categorias, que veremos em detalhes abaixo:

Fundos de Fundos de Ações

Os FOFs de ações são uma alternativa inteligente para quem deseja participar do mercado de ações, mas com uma dose extra de segurança e praticidade.

Ao investir em uma variedade de Fundos de Ações, esses FOFs proporcionam diversificação, reduzindo o impacto das oscilações associadas a investimentos diretos em papéis individuais.

Dessa forma, você pode aproveitar os benefícios do potencial de crescimento do mercado de ações sem a preocupação tão intensa com a volatilidade.

Fundos de Fundos Imobiliários

O mercado imobiliário, conhecido por sua estabilidade e potencial de retorno no longo prazo, também tem sua representação nos Fundos de Fundos.

Os FOFs imobiliários são constituídos para oferecer exposição a uma grande variedade de ativos imobiliários, incluindo propriedades comerciais e residenciais, sem a necessidade de comprar cotas de diversos FIIs.

Essa abordagem proporciona aos investidores uma exposição equilibrada a um setor que historicamente tem sido uma âncora de estabilidade nos portfólios de investimento.

Fundos de Fundos Multimercado

Se um FOF por si só já é versátil, imagine um FOF multimercado. Ao investirem em Fundos Multimercado, eles não se limitam a uma classe de ativos específica, mas buscam oportunidades em diferentes áreas, como ações, títulos e câmbio.

Com abordagem abrangente, os FOFs multimercado têm como objetivo maximizar retornos enquanto gerenciam eficientemente os riscos associados a diferentes classes de ativos.

Além dos três tipos de fundos que acabamos de ver, de forma menos frequente, também é possível encontrar Fundos de Fundos de renda fixa, que investem em títulos dessa classe de ativos.

Fundo de fundos: quais as vantagens e desvantagens?

melhores fundos de fundos

Vantagens

  • Diversificação: A principal vantagem dos FOFs é a diversificação imediata. Ao investir em diversos fundos, você reduz a exposição a riscos específicos, acionando uma camada extra de segurança para o portfólio.
  • Profissionalismo na gestão: A gestão profissional é uma característica fundamental dos FOFs. Essa abordagem visa otimizar a alocação de ativos, buscando maximizar os retornos e gerenciar os riscos de maneira proativa.
  • Praticidade: Os FOFs proporcionam acesso a uma variedade de classes de ativos sem a necessidade de gerenciar cada investimento individualmente. Isso simplifica o processo de construção e manutenção de uma carteira diversificada.

Desvantagens

  • Custos: Um ponto não tão positivo associado aos FOFs costuma ser o seu custo. Devido às taxas de gestão dos fundos subjacentes, os FOFs podem apresentar custos mais elevados em comparação com outras formas de investimento.
  • Falta de flexibilidade: Como em outros fundos de investimento, o investidor fica preso às escolhas do gestor, que é responsável por decidir quais papéis irão compor o portfólio.

Vale a pena investir em Fundo de Fundos?

Para aqueles que valorizam a diversificação instantânea e desejam uma abordagem mais hands-off para gerenciar investimentos, os FOFs podem ser uma escolha interessante.

No entanto, é crucial entender os custos associados e avaliar se a estratégia do FOF se alinha com os seus objetivos pessoais de investimento.

Faça sempre uma avaliação cuidadosa de vários fatores antes de tomar a sua decisão. Pesquise, inclusive, a reputação do gestor e o histórico do fundo.

Como investir em FOFs?

Investir em Fundos de Fundos é um processo bastante acessível. Basta abrir uma conta de investimento, como a do Daycoval, e escolher o fundo desejado por meio da plataforma de investimento.

Antes de investir, você deve realizar uma pesquisa aprofundada sobre os FOFs disponíveis, considerando o histórico de desempenho, as taxas associadas e a estratégia de investimento para encontrar as opções que estejam mais alinhadas às suas metas e perfil.

Pronto para começar? Aqui no Daycoval você encontra um portfólio completo de FOFs para diversificar os seus investimentos, além de contar com uma equipe especializada de assessores de investimento para te ajudar a fazer as melhores escolhas e a monitorar o desempenho da sua carteira.

abra-sua-conta-e-invista

Conclusão

Em resumo, os Fundos de Fundos oferecem uma abordagem inovadora para a diversificação de investimentos.

Com os diversos tipos de FOFs disponíveis, você tem a flexibilidade de escolher uma estratégia que se alinhe às suas metas de forma prática e segura.

No entanto, lembre-se de realizar uma análise cuidadosa, considerando vantagens, desvantagens e custos antes de decidir se os FOFs são a escolha certa para você.

Ao estudar as oportunidades, mantenha sempre seus objetivos financeiros em mente e esteja preparado para ajustar sua estratégia conforme necessário. Bons investimentos!

Recomendar Conteúdo:
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Quem leu essa matéria também gostou

Matérias mais lidas

Gostaria de receber novidades?

    Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

    WhatsApp
    LinkedIn
    Twitter
    Facebook

      Ei, tá curtindo o nosso Blog?

      Inscreva-se para receber as nossas novidades dicas financeiras exclusivas e conteúdo especial na sua caixa de entrada.




      Obrigado por se inscrever!