Como montar uma carteira de investimentos? [Guia completo]

como montar uma carteira de investimentos

Montar uma boa carteira de investimentos pode ser a chave para alcançar seus objetivos financeiros e garantir um futuro mais seguro.

Quem está começando no mundo dos investimentos, geralmente, concentra seus recursos em apenas um ou dois produtos.

Ainda que esse seja um bom primeiro passo, construir uma carteira bem distribuída é fundamental para uma boa performance ao longo do tempo.

como montar uma carteira de investimentos

Entretanto, muita gente ainda tem dúvida sobre como se faz isso na prática. E não é à toa. Afinal, a criação de um portfólio envolve uma série de questões, como descobrir o seu perfil de investidor, seus objetivos, o prazo pelo qual você deseja investir e muito mais.

Se você quer montar a sua carteira e não sabe por onde começar, você está no lugar certo!

Neste artigo, você vai aprender todas as etapas do processo de montagem de uma carteira de investimentos, desde o entendimento do que é uma carteira até a elaboração da estratégia ideal para você. Boa leitura!

como montar uma carteira de investimentos

O que é uma carteira de investimentos?

Também conhecida como cesta ou portfólio, uma carteira de investimentos é um conjunto de aplicações realizadas e mantidas por uma pessoa.

Essa carteira pode conter ativos como ações, títulos públicos e privados, fundos de investimento, entre outros.

Ainda que a composição da carteira possa variar de acordo com diversos fatores, como perfil de risco, capital disponível, prazo e metas, a finalidade sempre é atingir as expectativas traçadas pelo investidor. 

Como a carteira de investimentos funciona?

A carteira de investimentos funciona como uma cesta de ativos, na qual cada item tem seu próprio nível de risco e retorno.

Ao ter uma variedade de ativos, você distribui o risco e busca maximizar os ganhos.

Geralmente, a carteira de investimentos é representada por um gráfico em formato de pizza. Dessa forma, fica mais fácil enxerga a proporção entre os diferentes tipos de produtos que compõem o portfólio. Veja um exemplo fictício abaixo:

como montar uma carteira de investimentos

Um erro muito comum é que investidores iniciantes aloquem todos os seus recursos em um único produto.

Isso ocorre devido à falsa crença de que investir em uma aplicação conservadora é sinônimo de segurança e lucro garantido.

Na verdade, a realidade é justamente o oposto, pois ao apostar na diversificação, ainda que dentro de um perfil conservador, você minimiza o risco dos seus investimentos.

Veja um exemplo: uma pessoa que investiu na poupança ao longo de 2015, acabou perdendo dinheiro. Afinal, o rendimento desse produto ficou abaixo da inflação no período, ou seja, não garantiu um ganho real ao investidor.

Segundo o Raio X do Investidor, pesquisa realizada pela Anbima, em 2022, foi possível notar um movimento maior do investidor brasileiro na direção de uma carteira mais diversificada.

O número de pessoas que desconhecem ou não utilizam nenhum tipo de investimento diminuiu, caindo de 66% para 58%. 

Além disso, a escolha dos ativos que formam uma carteira está diretamente relacionada com o perfil do investidor, que pode ser conversador, moderado ou arrojado.

Ajustadas na proporção ideal para cada um desses perfis, a renda fixa é importante para a proteção da carteira, enquanto a renda variável visa retornos mais atrativos. Confira os modelos a seguir:

como montar uma carteira de investimentos
Perfil conservador
como montar uma carteira de investimentos
Perfil Moderado
como montar uma carteira de investimentos
Perfil Arrojado

Tenha em conta que essas são opções de diversificação considerando o cenário econômico atual, mas é muito importante aliar as condições do momento aos seus objetivos. Confira abaixo o vídeo sobre como investir em diferentes ciclos econômicos:

Vale a pena montar uma carteira de investimentos?

Montar uma carteira de investimentos vale muito a pena, já que essa é uma forma factível para você construir riqueza ao longo do tempo e atingir seus objetivos financeiros.

Ao garantir a diversificação dos seus ativos, você cria um escudo de proteção contra as intempéries do mercado.

É muito comum que, ao longo dos diferentes ciclos econômicos, artigos variados performem de maneiras diferentes.

Por exemplo, a Bolsa de Valores pode não performar tão bem em tempos de juros altos. Contudo, esse é um cenário muito favorável para a renda fixa. E o contrário também é verdadeira.

Sendo assim, essa é uma maneira simplista de ilustrar que, ao se posicionar em diferentes mercados, você consegue equilibrar ganhos e perdas em situações diversas.

Como montar uma carteira de investimentos?

como montar uma carteira de investimentos

Agora que você sabe a importância de ter uma carteira de investimentos, vamos à parte prática. Veja abaixo as etapas que envolvem a criação de um portfólio:

1 – Faça um planejamento financeiro

O primeiro passo para montar a sua carteira de investimentos é fazer um planejamento financeiro sólido.

Isso envolve avaliar sua situação financeira atual, definir metas de curto e longo prazo e estabelecer um orçamento.

Analise suas despesas, receitas e dívidas para ter uma visão clara de sua capacidade de investimento.

Um planejamento financeiro bem elaborado é o alicerce de uma carteira de investimentos eficiente.

2 – Identifique seu perfil de investimento

Como vimos, cada pessoa tem um perfil de investimento único, que varia de conservador a agressivo.

Identificar o seu perfil ajudará a determinar quais ativos são mais adequados para você, considerando os seus objetivos e a tolerância a risco.

Para descobrir qual é o seu perfil, basta responder o questionário de suitability disponibilizado no momento da abertura da sua conta de investimentos.

De forma geral, as classificações seguem o padrão a seguir:

  • Conservador

Baixa tolerância a risco. Preza pela preservação de capital e maior segurança nos investimentos.

  • Moderado

Maior disposição para direcionar parte dos recursos a produtos de maior risco, visando retornos a longo prazo, compreendendo que eventuais flutuações negativas no curto prazo são passageiras e podem gerar oportunidades

  • Arrojado

Um investidor com perfil arrojado é aquele que busca maximizar o retorno dos investimentos, mesmo que isso envolva um alto grau de risco.

3 – Defina seus objetivos

O que você deseja alcançar com os seus investimentos? Ter objetivos financeiros bem definidos, além de ser uma forma eficaz de se manter motivado, é essencial para nortear a escolha dos ativos que irão compor a sua carteira.

Para você ter uma ideia da importância dessa etapa, imagine a seguinte situação: você encontra uma aplicação rentável e segura que parece ser uma ótima oportunidade para acumular recursos para a compra de um imóvel.

Entretanto, o produto em questão tem carência de 3 anos, e você não poderá resgatar o investimento antes desse prazo. Se a sua intenção for comprar um imóvel em 2 anos, por mais vantajosa que seja tal aplicação, ela não será interessante para compor o seu portifólio com foco nesse objetivo.

4 – Crie uma estratégia de investimentos

Com seus objetivos em mente, você estará apto para criar uma estratégia de investimento acertada.

Isso envolve decidir quanto dinheiro alocar em diferentes tipos de ativos, como ações, títulos e fundos mútuos, levando em consideração risco, prazo e rentabilidade.

5 – Conte com a ajuda de especialistas

como montar uma carteira de investimentos

Montar uma carteira de investimentos pode ser complicado, e é aqui que os especialistas podem ajudar.

Consultar um assessor de investimentos confere agilidade e precisão para a execução dessa tarefa.

Aqui no Daycoval, você encontra uma equipe de especialistas muito capacitada para auxiliar nesse processo.

Se você ainda não tem uma conta de investimentos com a gente, aproveite e abra agora mesmo.

como montar uma carteira de investimentos

Conclusão

Agora não restas dúvidas de que montar uma carteira de investimentos é uma ótima estratégia para facilitar a conquista das suas metas financeiras, sejam elas quais forem, como garantir uma aposentadoria tranquila, tem uma renda passiva, comprar um imóvel, trocar de carro ou fazer uma viagem.

Com o planejamento adequado, você pode fazer o seu dinheiro crescer, alcançar seus objetivos e ter segurança financeira.

Não espere mais, comece a montar sua carteira de investimentos agora mesmo. Bons investimentos!

Recomendar Conteúdo:
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Quem leu essa matéria também gostou

Matérias mais lidas

Gostaria de receber novidades?

    Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

    WhatsApp
    LinkedIn
    Twitter
    Facebook

      Ei, tá curtindo o nosso Blog?

      Inscreva-se para receber as nossas novidades dicas financeiras exclusivas e conteúdo especial na sua caixa de entrada.


      Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.


      Obrigado por se inscrever!

        Ei! Espera um minutinho, por favor!

        Inscreva-se no Blog Daycoval para receber as nossas novidades, dicas financeiras exclusivas e conteúdo especial na sua caixa de entrada.


        Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.


        Obrigado por se inscrever!